Alguns rabiscos meus

Padrão

 

Essa mania de procurar palavras

De explicar o instante

Torna-me irritantemente certeira

Ou prolixa.

 

Pouco adianta o que penso

Se está fora de mim o entender

Se, passiva, te vejo a me olhar

E, calada, falo tudo a você.

 

Involuntariamente sua…

 

Custo a crer no que sempre quis

Parece tão exatamente mais do que pedi

Por isso as palavras que teimam surgir

Ainda são nada, sonhos estão por vir.

 

Esperando palavras que me ensinas a proferir.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s