O dia

Padrão

tempo-2Acordo às 5h45. Chego no trabalho às 8h. Saio às 18h. Vou para a academia às 20h. Chego em casa às 20h40. Arrumo, lavo, como. Durmo às 23h, no mínimo. Rotina? Não. O segredo para que cada dia se torne único e diferente é: paciência e poesia.

 

Quer ver?

 

Abri os olhos. Era um dia quente, pude logo sentir a claridade na minha janela. Nada como um banho morno (frio, jamais!), cantarolando minha música preferida: Paciência, do Lenine. Não que precise dela, pelo menos às 5h45 da manhã. Mas é sempre bom lembrar que a vida é tão rara.

 

Pego o ônibus e, pagando pelo conforto merecido, me acomodo na poltrona do frescão. Penso no que farei durante o dia, lembro da minha família. Pego no sono e só acordo perto do destino final. Meu despertador natural. A vida não pára.

 

O escritório ainda está vazio, dou bom dia ao colega que chega mais cedo que eu. Pago uma conta pela internet antes de começar a trabalhar. Não é qualquer uma, é a segunda parcela do nosso tão sonhado carro. Agradeço a Deus.

 

O mundo espera de nós um pouco mais de paciência. O dia passa ligeiro: trabalho, reunião, almoço. Risadas, conversas. O tempo passa mais leve quando se tem amigos.

 

Enquanto o tempo acelera e pede pressa, eu me recuso, faço hora, vou na valsa. Saio do trabalho e, enquanto caminho até o ponto de ônibus, viajo. Tenho mania de me perder em pensamentos ao andar pela rua. Adoro isso.

 

Abro mão do conforto na volta pela economia no fim do mês. É a hora de perceber as pessoas. Tenho outra mania: prestar atenção na conversa alheia. Feio ou não, sempre me divirto. Uma vez, chorei.

 

Não tenho vocação para malhar, mas a saúde pede. Meia hora que passa voando, ainda bem. Sinto um alívio ao chegar em casa. Cansada, vejo o marido e sorrio. Preparo nosso lanche, é o nosso momento juntos.

 

Durmo ciente de que, daqui a algumas horas, tudo começará novamente. E agradeço a Deus por esse privilégio. A vida é mesmo tão rara.

Anúncios

»

  1. “Deus, obrigada pelo dom da Livia!” Sim, vc é minha versão capixaba de cabelos lisos!! Foi a melhor coisa do mundo ler esse texto hoje, pois saí do trabalho às 18:15 e cheguei às 21h. E tb sorrrio quando encontro o marido. Tb viajo andando na rua, prestando atenção na conversa, escrevendo mil textos no meu pensamento…E tudo pode ser poesia como vc mesma disse…Vou tentar fazer isso às 5:45 quando eu levanto pra conseguir chegar no trabalho às 8h!!! É um privilegio mesmo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s