Qualquer amor

Padrão

A nova do Lenine. Ouça aqui, leia abaixo e me diga se não é poesia.

Qualquer amor já é
um pouquinho de saúde
um montão de claridade
contribuição
pra cura dos problemas da cidade

Qualquer amor que vem
desse vagabundo e bobo
coração atrapalhado
procurando o endereço
de outro coração fechado

Amor é pra quem ama
amor matéria-prima
a chama
o sumo
a soma
o tema

Amor é pra quem vive
amor que não prescreve
eterno
terno
pleno
insano

Luz do sol da noite escura

Qualquer amor já é
um pouquinho de saúde
um descanso na loucura.

Anúncios

Uma resposta »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s