Teimosia

Padrão

Um livro que insiste em não querer ir para a estante. É dos melhores que ela já leu, apesar do mistério perturbador. Uma obra cuja compreensão não aparece na última página – e talvez nem depois dela.

Cansada de interpretar as intenções daquele autor, ela sabe que é hora de colocar o livro na pilha onde estão outros igualmente lidos. Ela não confia na insistência dele em querer permanecer ao lado da cama dela, ao alcance do olhar numa madrugada de insônia.

As madrugadas são sempre perigosas para quem gosta de ler.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s